NOTA DE ESCLARECIMENTO da DIOCESE DE IGUATU

Spread the love

NOTA DE ESCLARECIMENTO sobre o ocorrido no III Reviver do EJC

O III Reviver do EJC, da Diocese de Iguatu, reuniu, cerca de 700 jovens sob o tema ‘Se não for para ir para o céu, não vale a pena viver! ’, e foi cercado de vários e importantes momentos que se traduziram em uma rica experiência da juventude católica.

Podemos afirmar que o III Reviver do EJC foi considerado um evento que superou todas as expectativas do Clero, deixando-nos felizes pelos resultados apresentados. Foi um dia extraordinário quando os jovens cantaram, rezaram, meditaram e produziram excelentes reflexões. A Santa Missa, presidida pelo Bispo Diocesano, Dom Edson de Castro Homem, foi concelebrada pelos padres ligados ao Movimento, com a liturgia dominical bem participada.

Um fato destoou ao final da Adoração, pois, ainda com o Santíssimo Sacramento exposto, foi dado ‘um banho de água’ no padre, vindo da Arquidiocese de Brasília. Protegeu a cabeça com um boné, após o ocorrido. As imagens foram repassadas e criticadas, como era de se esperar, devido à presença da Santíssima Eucaristia. Dom Edson conversou com o referido padre para se certificar dos fatos. O sacerdote aceitou com humildade a reprovação do Bispo. Afirmou não ter tido a intenção de profanar a Sagrada Eucaristia.

Tudo indica que a empolgação juvenil e a expressão de contentamento, próprias dos jovens, no final de um encontro cheio de emoções, não permitiram que eles ponderassem que o momento era inadequado para brincadeiras.

O fato, porém, motiva que se faça com os jovens do EJC e aqueles de outras expressões juvenis a necessária catequese eucarística.

 

Pela Assessoria de Imprensa da Diocese de Iguatu, Ceará

Luís Sucupira

8 comentários em “NOTA DE ESCLARECIMENTO da DIOCESE DE IGUATU”

  1. Ainda hoje, nos separamos com normas e preceitos, que impedem e emperra celebrações que exaltam a vida.
    O Cristo Eucarístico será sempre o Cristo Eucarístico, independente se tem água ou não.
    Os jovens em sua plenitude, elevam um louvor de gratidão de forma animada e humana e, não tenho dúvidas que nesta hora o Cristo Eucarístico, sorriu e bateu palmas.

    1. Milton , esse teu pensa,mento nem no mundo que vivemos é coerente . Vou te dar um exemplo: Você falou que independente de água, Jesus Eucarístico é o mesmo, como se a reverencia devida a Ele pouco importa. Dentro dessa ideia façamos a seguinte experiencia: Vamos a o forum num dia de aldiencia e tentemos entra de bermuda e camiseta , afinal o Juiz é o Juiz independente de nossas vestes, vejamos o que acontece . E logico que seremos barrados , isso por que o independente da forma que penso, ali exite NORMAS DE CIVILIDADE e essa normas se não cumpridas darão um aspecto de nugacidade.

  2. Já estamos vendo um festival de lamaçal na nossa igreja. Padres fazendo campanha política e mais preocupados com a “mãe terra” do que com a alma humana. Evidentemente não há ser humano perfeito, mas o que ocorreu naquela ocasião passou longe de um mero afetamento emocional, ainda mais envolvendo um PADRE e não uma criança ou um adolescente.

  3. Nosso contentamento, nossa vibração e entusiasmo espontâneo não pode ultrapassar as barreiras do respeito radical que devemoa ter para com o Santíssimo Sacramento exposto. Brincadeira tem hora e lugar.

  4. Boa tarde, irmãos em Cristo Jesus!
    Impulsionada pelo amor à Santa Missa, venho aqui expressar minha opinião sobre o fato ocorrido com o Sacerdote no final da Adoração Eucarística. Causou-me espanto e repúdio sim, na hora em que vi o tal vídeo circulando, considerando a situação e o sacerdote que conheço e tenho bastante respeito e estima. O repúdio causou-me porque vi um jovem, que pela atitude inadequada, precisa sim de mais orientação sobre como se portar diante do Santíssimo Sacramento. O espanto foi ver quem era o “tal” padre. O que percebi foi a sua surpresa em receber aquele “banho”. O padre que está sendo alvo de vários ataques, pode sim ter errado em não ter advertido o jovem no exato momento, mas isso não lhe tira o direito de ser inocentado também. Que este fato sirva de alerta aos formadores, coordenadores e responsáveis de tantos outros grupos de jovens. Sobre estes jovens, especificamente do grupo em questão, quem poderá dizer sobre eles é tão somente sua comunidade. Sobre o padre, posso afirmar que tanto eu como outros tantos fiéis, que este sacerdote é de um extremo respeito e sutileza com o Corpo de Cristo. São poucos os padres que vi ter tanto zelo e amor à Santa Eucaristia. Em sua defesa eu digo: Ele foi pego de surpresa e não foi com a intenção alguma de blasfemar o corpo de Cristo ali exposto.
    Vivemos atualmente numa descrença tão grande com o outro que “preferimos” antecipar o julgamento a verificar os fatos como eles são. Meus irmãos, a inversão de valores já atingiu nossa igreja. Quantos fiéis católicos recebem o corpo de cristo e antes de terminar a santa missa já estão em pecado? Não estou dizendo com isso que a nossa igreja não erra, digo porque por ser ela santa e pecadora devemos estar atentos e determinados a fazê-la sempre mais santa, mas que seja com honestidade, verdade e amor, com justiça e com perdão. Este padre faz e já fez tanto pelos jovens…arrebatou vários do mundo das drogas, do suicídio,das misérias da alma. Não conheço tantos sacerdotes que chegue tanto aos corações dos jovens, principalmente os que sofrem.
    “O sacerdote aceitou com humildade a reprovação do Bispo”…não esperava nem mais e nem menos desse homem que nasceu pra levar aos jovens a palavra de Deus Pai. Sim, ele se comporta como um pai pra muitos. Aos jovens do grupo do tal fato, eu recomendo a mesma atitude do padre…humildade, porque nenhum dos lados tiveram a intenção de ofender a Sagrada Eucaristia. Que sejam humildes em aprender e reaprender, porque somos chamados a essa reflexão todos dias na vida. Aos que difamam o padre sem o conhecer, digo apenas que a boca fala do que o coração tá cheio. A paz estejam com todos.

  5. Ali me faz perguntar : O que estão ensinado a esses jovens em relação a Igreja Católica, que tipo de catequese eles estão recebendo ? Estão querendo impor ideias do mundo para dentro das celebrações ? Um mundo que tudo se pode , nada mais e proibido, que respeito é coisa arcaica , que normas são para serem quebradas e não respeitadas ! Eu penso como Jesus , que amava a todos , mas – “Então, Jesus disse aos doze: ‘Vós também vos quereis ir embora?’ Simão Pedro respondeu: ‘A quem iremos, Senhor? Tu tens palavras de vida eterna. Nós cremos firmemente e reconhecemos que tu és o Santo de Deus’. Primemos não por quantidade, mas pela qualidade !

Deixe uma resposta