DIOCESE DE IGUATU
21 de junho de 2017

Dom Edson cria o Conselho de Assuntos Econômicos Diocesano – CAED e nomeia o novo Ecônomo da Diocese.

O Bispo Diocesano de Iguatu, atendendo às necessidades administrativas da Igreja Particular, decretou a criação do Conselho de Assuntos Econômicos Diocesano – CAED de acordo os Cânon 492 a 494 do Código de Direito Canônico.

O Conselho tem como objetivo principal administrar os bens da Diocese de Iguatu, incluindo a gestão de receitas e despesas, sob a autoridade do Bispo e possui mandato de um Quinquênio (cinco anos) a contar da data da sua criação, dia 15 de Junho de 2017.

Compõem o CAED os seguintes membros, agora denominados conselheiros:

Padre Yukio Adelly Vieira da Silva (Membro nato);

Padre José Wallace Pinheiro Pessoa Neto;

Padre Francisco Leiva Neves de Carvalho;

Padre Glauberto Alves de Oliveira;

Senhor Alex Carlos da Silva.

O Novo Ecônomo e os novos gestores

Após a consulta ao Colégio dos Consultores, foi aprovado como novo Ecônomo da Diocese, o Reverendíssimo Padre Yukio Adelly Vieira da Silva, Pároco de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro em Acopiara.

Ao mesmo tempo nomeou o Reverendíssimo Padre José Wallace Pinheiro Pessoa Neto como novo administrador do Centro Diocesano Pastoral da Diocese de Iguatu (Diocesano Hotel); o Reverendíssimo Padre Francisco Leiva Neves Carvalho como responsável pela Tipografia da Diocese e, finalmente, o senhor Alex Carlos da Silva como Administrator da Residência Episcopal e colaborador dos referidos padres.

De acordo com o Direito Canônico

Com a criação do CAED, a Diocese de Iguatu atende ao que determina o Código de Direito Canônico onde cada Diocese tenha três (03) Conselhos, a saber: o Presbiteral, o do Colégio dos Consultores e o Conselho de Assuntos Econômicos Diocesano.

Agradecimento

O Bispo Diocesano Dom Edson de Castro Homem, antes da primeira reunião do novo conselho, agradeceu ao Reverendíssimo Padre Márcio Basílio Soares pela sua dedicação e competência à frente do Economato da Diocese e da gestão do Centro Diocesano de Pastoral.

Texto: Assessoria de Comunicação da Diocese de Iguatu (ASCOM)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *